segunda-feira , 10 dezembro 2018
Capa » Notícias » Módulos habitacionais são solução sustentável e eficiente para construção de escolas
Módulos habitacionais são solução sustentável e eficiente para construção de escolas
?????

Módulos habitacionais são solução sustentável e eficiente para construção de escolas

Tecnologia, já utilizada pela Lafaete em escolas particulares de Minas Gerais e interior de São Paulo, é adotada em unidades municipais de Santa Luzia (MG).

Rapidez, praticidade no transporte e na montagem, conforto e durabilidade são as principais vantagens apontadas por prefeituras, professores e estudantes de escolas instaladas em módulos habitacionais, desenvolvidas pela Lafaete, empresa especializada em soluções construtivas. Esses módulos já são utilizados em escolas municipais em Santa Luzia (MG), na Escola Americana, em Belo Horizonte (MG), na Escola Britânica St. John, em Cotia (SP), em Canaã dos Carajás (PA) e em diversos municípios de Rondônia.

Neste ano, a Lafaete venceu licitação em Santa Luzia para instalar módulos habitacionais, que foram destinados para construção de salas de aulas em escolas do município.  Entre as escolas municipais atendidas, estão a Ana Zélia de Moraes Lara, Jacinta Eneas Orzil, Professora Ceçota Diniz, Professora Siria Thébit, Santa Luzia, Sinha Teixeira da Costa e Marina Vianna de Castilho. As salas de aula são compostas por dois módulos cada uma, que comportam entre 20 e 25 alunos. O objetivo da prefeitura da cidade com a instalação dos módulos é atender um deficit de cerca de 2 mil vagas nas escolas.

O diretor de Operações e de Engenharia da Lafaete, Edison Tateishi, ressalta que há diferenças entre os contêineres marítimos e os módulos habitacionais, que podem ter diversas finalidades. “Uma das principais é que o módulo habitacional possui revestimento termoacústico, o que proporciona conforto, principalmente nas localidades mais quentes”, declara. Segundo ele, a Lafaete orienta a instalação de ar-condicionado no interior das estruturas construídas com módulos habitacionais. “O aparelho vai possibilitar um maior conforto térmico aos estudantes”, acrescenta.
Em prazo máximo de dois dias, as salas de aula podem ser montadas em dois ou três módulos acoplados. Segundo Tateishi, em função das estruturas serem desmontáveis, a logística de transporte é mais prática. “Elas saem da fábrica de São Paulo e seguem em carretas para o destino. Cada veículo pode transportar até dez módulos.”

De acordo com o diretor da Lafaete, a flexibilidade dos módulos habitacionais é bem grande. “Uma sala de aula pode ser composta por vários módulos acoplados, com capacidade variável, podendo, inclusive, ficar sobreposto em dois andares”, explica. Por serem inteiramente galvanizadas, essas estruturas da Lafaete possuem longa durabilidade, mesmo quando expostas ao sol e à chuva, mas também necessitam de manutenção periódica, como pintura e limpeza.

“A vantagem principal é a facilidade com que a empresa consegue instalar esses módulos. Às vezes, a escola fica em um lugar de difícil acesso para a chegada de material e a montagem de uma estrutura de obra em alvenaria é demorada. Além disso, com a tecnologia da Lafaete, a construção  praticamente não utiliza água, o que a torna ecológica e sustentável”, afirma Tateishi.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*