terça-feira , 19 fevereiro 2019
Capa » Construtoras » Plataforma desenvolvida pela Redbelt aumenta em 48% índice de proteção de dados da Construtora Pacaembu

Plataforma desenvolvida pela Redbelt aumenta em 48% índice de proteção de dados da Construtora Pacaembu

Solução é uma das poucas do mercado que conseguem mostrar que um ataque cibernético está prestes a ocorrer ao analisar o comportamento de usuários e de acessos.

A Construtora Pacaembu registrou um crescimento de 48% na pontuação do seu Score de segurança de dados após a implementação no novo módulo do RIS (Risk Information Security), solução da REDBELT que integra a plataforma proprietária destinada à gestão de vulnerabilidade e incidentes, conectada ao Microsoft Office 365.

A parceria foi firmada após a empresa, que atua na construção de empreendimentos residenciais de interesse social, identificar a necessidade de investir no monitoramento de seu ambiente de segurança, com foco na detecção de incidentes de segurança e na possibilidade responder rapidamente a esses incidentes.

“A plataforma da REDBELT trouxe uma visão centralizada de informações sobre nosso ambiente de mensageria e colaboração, suas vulnerabilidades conhecidas, atividades do usuário e muito mais. Isso tornou a investigação de incidentes muito mais eficiente”, conta o gerente de TI da Construtora Pacaembu, André Gonçalves.

O executivo destaca que outro benefício trazido pela plataforma foi a possibilidade de armazenamento dos logs de segurança por mais de 90 dias. Além disso, no momento de sua implementação, a ferramenta a situação do ambiente e apresenta um plano para subir sua maturidade de segurança.

As atividades que a ferramenta monitora vão desde os acessos de usuários, que podem identificar ataques de brute force, até o monitoramento de usuários administradores, compartilhamento de arquivos, alterações de políticas do Office 365, além de outras ocorrências na plataforma que podem indicar diversas técnicas que criminosos realizam uma vez que invadem o ambiente.

“A identidade do usuário mostra-se hoje como o novo perímetro de segurança das empresas, e o Office 365 é uma fonte muito rica e eficiente de logs para contribuir na mitigação de incidentes de segurança relacionados à identidade.”, explica o diretor de operações da REDBELT, Eduardo Bernuy Lopes.

O módulo do RIS conectado ao Office 365 já gerencia mais de 300 mil usuários de office 365 nos diversos clientes da REDBELT. A plataforma é uma das poucas do mercado que conseguem mostrar que um ataque cibernético está prestes a ocorrer ao analisar o comportamento de usuários e de acessos. “O RIS conectado ao Office 365 oferece a possibilidade de mapeamento desses incidentes seguido de ações orquestradas capazes de bloquear a tentativa de ataque ou de respondê-lo antes de um impacto expressivo”, conclui o executivo da empresa.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*